quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

E Jesus?!

Ele viveu na simplicidade
Foi exemplo de humildade
Ele foi o mais puro amor
Será lembrado pela eternidade

Ele foi a paz e nos trouxe a paz
Não distinguia classe, nem cor
Chamava a todos de irmãos
Irradiava luz, confiança e amor

Anos e anos já se passaram
Continuam vivas suas façanhas
Mas o mundo não segue sua luz
Perdendo-se numa escuridão tamanha

Ele, pacientemente, nos ensinou
A não cultivar o ego, a vaidade
O ódio, a ganância, a ambição...
E sim o amor puro, a verdade

E então... chegou mais um natal!
Da comercialização, do consumismo
Poucos lembram do aniversariante
O Pai e divulgador do Cristianismo

Querem roupas, sapatos, presentes...
Comidas, bebidas, música vulgar
É o natal desse mundo materialista
E Jesus?! Dele poucos vão lembrar!

Nádia Santos
22/12/16

Que o verdadeiro espírito do Natal
permaneça em nosso coração
durante os 365 dias do ano e
não apenas numa única data.

FELIZ NATAL!

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Poeminha


A noite tem seus encantos
Reflexiva, silente, misteriosa
Por vezes nos leva ao pranto
Sombras do passado nos apavora...
Até a brisa que sopra mansinho
Exala um aroma de cumplicidade...
Enquanto a lua ilumina o caminho
Viajo nos sonhos, esqueço a realidade.

Nádia Santos
20/12/16

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Não demora...


Tantas vezes fui olhar a rua
Esperando te ver chegar
E assim na companhia da lua
O teu corpo enfim abraçar...

Tantas vezes fiquei a imaginar
Que te perdeste pelo caminho
Que talvez não vá te encontrar
Nem tão pouco sentir teu carinho...

Pode ser meu amor que nesta vida
Não te encontre... não há certeza
E não veja tua imagem querida
E assim convivo com a incerteza...

O céu é testemunha do meu amor
E a lua, a quem confessei também
Continuarei esperando apesar da dor
Sei que tu existe. Não demoras... vem!

Nádia Santos
19/12/16